R7 Planalto CPI da Covid tem 100 GB em documentos sigilosos

CPI da Covid tem 100 GB em documentos sigilosos

Senador Omar Aziz alertou a parlamentares e servidores que há punição para vazamento de documentos sigilosos da comissão

  • R7 Planalto | Mariana Londres, de Brasília

CPI da Covid tem 100 GB em documentos sigilosos, diz presidente

CPI da Covid tem 100 GB em documentos sigilosos, diz presidente

Edilson Rodrigues/Agência Senado - 25.05.2021

O presidente da CPI da Covid, senador Omar Aziz (PSD-AM), abriu a reunião desta terça-feira (25) pedindo cautela para quem acessa os documentos sigilosos da CPI e avisando que o vazamento pode configurar quebra de decoro parlamentar e, para servidor, demissão. Ele ressaltou o volume de documentos sigilosos da comissão, que estão em arquivos de 100 GB (gigabytes). 

"Até agora foram autuados aproximadamente 300 GB de documentos, sendo 100 GB de documentos sigilosos. Para comparação, a CPMI da fake news tem 5 GB recebidos. Nesse contexto, solicito máxima cautela a quem tiver acesso".

O colegiado escuta, nesta terça-feira, a secretária de Gestão do Trabalho e da Educação na Saúde do Ministério da Saúde, Mayra Pinheiro.

Últimas