STF

R7 Planalto Defesa de Silveira alega que, sem redes, ele não precisa ficar preso

Defesa de Silveira alega que, sem redes, ele não precisa ficar preso

Decisão de Alexandre de Moraes a pedido de substituição de prisão por medidas cautelares é esperada para esta quinta-feira 

  • R7 Planalto | Yuri Achcar, da Record TV, com Mariana Londres

Defesa de Silveira alega que sem redes, ele não precisa ficar preso

Defesa de Silveira alega que sem redes, ele não precisa ficar preso

Divulgação/Câmara dos Deputados

A defesa do deputado Daniel Silveira entrou com um pedido de reconsideração da prisão do parlamentar ao ministro do STF (Supremo Tribunal Federal) Alexandre de Moraes alegando que, como o deputado está sem acesso às próprias redes sociais por decisão da Suprema Corte, já estaria impedido de dar continuidade ao crime que levou à prisão em flagrante. 

O pedido é que a prisão seja revogada e substituída por medidas cautelares, e que Silveira responda ao processo em liberdade.

"Neste contexto, tem-se que in verdade, as possibilidades da alegada reiteração criminosa restaram mitigadas, pois, tal medida, por si só, impossibilita o requerente de proceder com a transmissão ou compartilhamento de qualquer conteúdo que atente (ou possa incitar comportamento danoso) à Segurança Nacional, bem como aos poderes constituídos da República, as quais são fundamentais para o pleno exercício democrático em todo o território nacional", diz trecho do pedido.

Uma decisão do STF é esperada para esta quinta-feira (25). 

Últimas