R7 Planalto “Dor, êxtase, inseguranças, crises”, diz Regina Duarte sobre gestão

“Dor, êxtase, inseguranças, crises”, diz Regina Duarte sobre gestão

Atriz publicou na madrugada desta quinta-feira (11) vídeo de despedida da Secretaria Especial da Cultura, pasta que chefiou por quase três meses

  • R7 Planalto | Plínio Aguiar, do R7

Na imagem, Regina Duarte toma posse como secretária especial de Cultura

Na imagem, Regina Duarte toma posse como secretária especial de Cultura

Carolina Antunes / PR / 04.03.2020

A atriz Regina Duarte publicou na madrugada desta quinta-feira (11) um vídeo de despedida da Secretaria Especial da Cultura, pasta que comandou por menos de três meses. “Aqui eu tive momentos de dor, de êxtase, tive inseguranças, crises, lágrimas. São troféus que eu vou levar para o resto da minha vida”, afirmou.

Duarte tomou posse no dia 4 de março e, em 20 de maio, anunciou a sua saída da pasta em vídeo gravado ao lado do presidente Jair Bolsonaro (sem partido). No entanto, a exoneração publicada no DOU (Diário Oficial da União) ocorreu em 10 de junho, 20 dias depois. Na ocasião, disse “ufa”.

Leia mais: 'Meu propósito aqui é a pacificação', diz Regina Duarte ao tomar posse

No vídeo de 14 minutos e 38 segundos publicado nesta quinta, a atriz fez um balanço de sua gestão. “Cultura combina com pluralidade, não com antagonismo. Esse bater por bater, que acontece muitas vezes no meio político, é extremamente prejudicial a nação. E mais ainda com quem lida com o fazer cultural. O objeto da cultura é o respeito, a pluralidade. Atividade que deveria ser vista e tratada num terreno superior, acima da água escura da intolerância política”, disse.

A ex-secretaria confessou que a sua maior dificuldade foi a “lentidão burocrática”. “Eu encontrei a Cultura dividida entre dois ministérios, da Cidadania e do Turismo. Exemplo disso foram as cinco semanas dispendidas na aprovação da minha primeira instrução normativa”, argumenta.

Veja também: Bolsonaro convida Mario Frias para assumir cargo de Regina Duarte

“Eu ocupei por quase três meses um cargo que exigiu de mim experiência, estratégia e táticas totalmente distantes de tudo, de tudo para que eu fui preparada a vida inteira para fazer. Um enorme desafio. E, de repente, gestão. Gestão pública, quem diria”, acrescentou.

A atriz afirma, também, que irá continuar lutando por respostas “que escapem do ambiente raivoso que acomete parte do setor artístico”.

O vídeo também exibe imagens de Duarte com o ator Mario Frias, convidado pelo presidente para assumir a pasta.

Ver essa foto no Instagram

Uma Incrível Experiência de Vida: entregas e despedida 

Uma publicação compartilhada por Regina (@reginaduarte) em

Últimas