Eleições 2022

R7 Planalto Kassab diz apoiar Alckmin para governo de SP mesmo no PSDB

Kassab diz apoiar Alckmin para governo de SP mesmo no PSDB

"Se Alckmin ficar no PSDB, a gente apoia também", disse o político nesta terça-feira (21)

  • R7 Planalto | Mariana Londres, do R7, em Brasília

Kassab: "Se Alckmin ficar do PSDB, a gente apoia também"

Kassab: "Se Alckmin ficar do PSDB, a gente apoia também"

Elza Fiúza/Agência Brasil

O presidente do PSD, Gilberto Kassab, disse nesta terça-feira (21) que irá apoiar Geraldo Alckmin ao governo de São Paulo mesmo que ele fique no PSDB. Embora ainda não tenha sido oficializada, a ida de Alckmin para o PSD é dada como certa. Essa possibilidade ganhou força especialmente depois que o PSDB oficializou o nome de Rodrigo Garcia, que deixou o DEM há quatro meses, como o pré-candidato do partido ao governo paulista. 

"Se ele ficar no PSDB a gente apoia também, ele é o melhor candidato. Se ele ficar a gente apoia, mas não acredito. Ele tem dito que não ficará, não se inscreveu nas prévias e tem dito que é candidato", disse Kassab. 

Alckmin pretendia disputar seu quinto mandato pelo PSDB, partido que ajudou a fundar, mas foi preterido em articulação feita pelo atual governador João Doria. O governador o comando da sigla defendem uma "cara nova", até pelo fato de o estado ser comandado pelo PSDB desde 1995 (com exceção das gestões dos vices Claudio Lembo, do PFL e Márcio Santos, do PSB). 

O ex-governador está à frente das pesquisas de inteção de voto, o que foi comemorado pelo presidente do PSD: "Geraldo tem muita experiência, e quem vota nele hoje não muda o voto, porque no caso dele não é recall, é conhecimento. A rejeição dele é própria de quem já foi governador e ao longo da campanha diminui, mas os que votam nele não."

Últimas