Kim Kataguiri propõe redução de imposto sobre videogames 

Segundo o parlamentar, redução não impacta contas públicas pois volume total de vendas de videogames deve ser maior com preços menores 

Deputado Kim Kataguiri propõe redução de IPI de videogames

Deputado Kim Kataguiri propõe redução de IPI de videogames

Reprodução Facebook

O deputado Kim Kataguiri (DEM-SP) sugeriu ao Ministério da Economia a redução do IPI (Imposto sobre Produtos Industrializados) de videogames. Ele anexou ao pedido, protocolado nesta terça-feira (22) um estudo elaborado Consultoria Legislativa da Câmara dos Deputados que propõe uma alíquota menor,  mas que não prejudique as contas públicas e ao mesmo tempo possa fomentar a produção nacional de videogames, o que inclui os feitos por empresas estrangeiras no Brasil.

De acordo com o parlamentar, os impostos sobre os videogames no Brasil chegam a quase 100% porque eles entram na categoria da Receita Federal de "jogos de azar", com alíquota do IPI de de 40%, além da incidência de outros impostos:  ICMS, II, PIS e COFINS. O deputado discorda que videogames sejam jogos de azar.

Ele lembra, na sua conta no Twitter, que "a indústria dos videogames já é maior do que a da música e a do cinema".