A Prisão de Lula
R7 Planalto Lula está preso há quatro meses. O que isso importa?

Lula está preso há quatro meses. O que isso importa?

De dentro de uma cela na sede da Polícia Federal, em Curitiba, o ex-presidente da República dita o ritmo da campanha presidencial

O ex-presidente Lula

O ex-presidente Lula

Jorge Araujo/Folhapress/21.set.2017

Pouca gente se deu conta, mas Lula está preso há exatos quatro meses. 

Quando saiu da sede do Sindicato dos Metalúrgicos, em São Bernardo, no dia 7 de abril, a grande maioria dos petistas acreditava que o ex-presidente passaria pouco tempo na cadeia, em Curitiba. Obviamente, não foi o que aconteceu, mas mesmo preso por lavagem de dinheiro e corrupção passiva, o líder petista continua comandando sob rédeas curtas os rumos do seu partido, e, consequentemente, sendo o ator principal da campanha eleitoral.

Sem ninguém a incomodar sua liderança, Lula impôs ao PT um roteiro que obriga o partido a apostar todas as fichas numa ficção eleitoral, ou nas palavras ácidas de Ciro Gomes, a embarcar numa "viagem lisérgica".

Desde sempre, Lula e petistas sabem que ele não estará nas urnas em 7 de outubro, mas a narrativa condiz com os desejos do ex-presidente. O problema para o PT é o estrago que pode advir dessa submissão canina a Lula.

Será que Fernando Haddad herdará naturalmente os votos de Lula? 

O Partido dos Trabalhadores poderá virar um anão político ao tentar manter Lula como gigante eterno.