R7 Planalto Maia parabeniza ministros do STF que vão trabalhar no recesso

Maia parabeniza ministros do STF que vão trabalhar no recesso

São eles: Marco Aurélio, Gilmar Mendes, Ricardo Lewandowski e Alexandre de Moraes. Presidente defendeu que Congresso Nacional faça o mesmo

Na imagem, presidente Rodrigo Maia (DEM-RJ)

Na imagem, presidente Rodrigo Maia (DEM-RJ)

Pedro Ladeira/Folhapress - 07.12.2020

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), parabenizou neste domingo (20) a decisão de quatro ministros do STF (Supremo Tribunal Federal) por trabalhar durante o recesso e defendeu que o Congresso Nacional faça o mesmo.

“Parabéns aos ministros do STF pela decisão. Continuo defendendo que o Congresso deveria trabalhar no mês de janeiro e organizar uma pauta com o governo. A pandemia e a situação econômica do país exige um esforço maior de todos nós”, escreveu Maia nas redes sociais.

Leia mais: STF autoriza medidas restritivas a quem não se vacinar contra covid-19

Quatro ministros informaram o presidente Luiz Fux que vão continuar trabalhando durante o recesso, de acordo com reportagem do jornal ‘O Estado de S. Paulo’. São eles: Marco Aurélio, Gilmar Mendes, Ricardo Lewandowski e Alexandre de Moraes.

A ação pode vir a representar um esvaziamento do poder de Fux, que seria o responsável por analisar os casos da Suprema Corte durante o recesso judiciário. A reportagem questionou o ministro Marco Aurélio, que negou que seja retaliação ao presidente.

Últimas