STF

R7 Planalto Marco Aurélio vai antecipar aposentadoria para ter paridade 

Marco Aurélio vai antecipar aposentadoria para ter paridade 

Decano anunciou que irá se aposentar uma semana antes da data-limite para ter reajustes equivalentes aos da ativa

  • R7 Planalto | Clébio Cavagnolle, da Record TV

Ministro Marco Aurélio Mello completa 75 em 12 de julho, que seria a data limite para aposentadoria

Ministro Marco Aurélio Mello completa 75 em 12 de julho, que seria a data limite para aposentadoria

Nelson Jr./SCO/STF - 13.10.2019

O decano do STF, ministro Marco Aurélio Mello, explicou ao R7 Planalto que irá sair uma semana antes da data limite de sua aposentadoria para garantir a paridade com os ministros da ativa. Há um dúvida quanto ao índice de reajuste para as aposentadorias compulsórias, e para não correr o risco de ter um reajuste diferente, Marco Aurélio optou por antecipar a aposentadoria em uma semana da data limite. 

"Sairei sete dias antes de completar 75 anos que é a data limite para se permanecer no cargo, portanto não se trata de uma antecipação maior de aposentadoria. O tribunal termina o primeiro semestre judiciário no dia 30 de junho e eu sairei no dia 5 de julho, apenas para evitar percalços. Já que há uma boataria muito grande quanto ao sistema de reajuste dos proventos considerada a aposentadoria compulsória, reajuste pela previdência geral, e índices talvez superiores, ou a espontânea, em que há paridade com o pessoal da ativa. Prefiro realmente o certo. Mas é boato. De qualquer forma como o País é de um insegurança maior eu tenho que tomar as precauções". 

Últimas