R7 Planalto Meurer: Fachin diz que negou prisão domiciliar por situação do presídio

Meurer: Fachin diz que negou prisão domiciliar por situação do presídio

Ex-deputado Nelson Meurer morreu vítima da covid-19 no último domingo (12) após contrair doença em presídio que estava lotado no Paraná

  • R7 Planalto | Clebio Cavagnolle, da Record TV, com Plínio Aguiar, do R7

Ministro Edson Fachin durante sessão plenária do STF

Ministro Edson Fachin durante sessão plenária do STF

Fellipe Sampaio /SCO/STF - 03/10/2019

O ministro do STF (Supremo Tribunal Federal) Edson Fachin divulgou nesta terça-feira (14) nota em que explica a decisão de negar prisão domiciliar ao ex-deputado federal Nelson Meurer, que morreu no último domingo (12) vítima da covid-19.

Fachin argumenta que a penitenciária informou que não havia ocupação acima da capacidade e nem casos de contaminação pelo novo coronavírus.

Leia mais: Preso na Lava Jato, ex-deputado Nelson Meurer morre com covid-19

“A decisão monocrática, sem olvidar do enquadramento de Nelson Meurer no grupo de vulnerabilidade, pautou-se na realidade apresentada pelo juízo corregedor de referida penitenciária, no sentido de que não se encontrava com ocupação superior à capacidade, destacando a existência de equipe de saúde lotada no estabelecimento”, disse Fachin.

O ministro do STF explicou ainda que, à época, “o juízo da Vara de Execuções Penais informou que no âmbito da penitenciária inexistem casos confirmados de pessoas infectadas com o coronavírus”.

Nelson Meurer morreu vítima da covid-19

Nelson Meurer morreu vítima da covid-19

Viola Junior/Câmara dos Deputados - 11.12.2013

Veja também: Fachin manda prender ex-deputado Nelson Meurer na Lava Jato

O ex-parlamentar, de 78 anos, foi internado na última terça-feira (7) em um hospital particular em Francisco Beltrão, no interior do Paraná, após ter sido infectado pelo coronavírus na unidade prisional em que se encontrava e, cinco dias depois, morreu. Meurer foi o rimeiro parlamentar no exercício do mandato a ser condenado na Operação Lava Jato.

Últimas