R7 Planalto Moro acompanha exibição de vídeo de reunião ministerial em Brasília 

Moro acompanha exibição de vídeo de reunião ministerial em Brasília 

Ex-ministro da Justiça chegou ao Instituto de Criminalística às 7h40 . Exibição de imagens estava prevista para começar às 8h

  • R7 Planalto | Renata Varandas, da Record TV, com Mariana Londres

Moro acompanha exibição de vídeo de reunião ministerial em Brasília

Moro acompanha exibição de vídeo de reunião ministerial em Brasília

Wallace Martins/Futura Press/Estadão Conteúdo - 24.4.2020

O ex-ministro da Justiça Sergio Moro chegou às 7h40 ao Instituto de Criminalística da Polícia Federal, em Brasília, na manhã desta terça-feira (12). Ele acompanhou a exibição do vídeo da reunião ministerial de 22 de abril. Segundo o ex-ministro, nesse vídeo haveria provas de que o presidente Jair Bolsonaro tentou interferir na autonomia da Polícia Federal. 

A apresentação estava marcada para começar às 8h. Moro chegou em um carro sedã preto. Entre 8h e 10h houve uma reunião e o vídeo só começou a ser exibido por volta de 11h40. Depois o vídeo apresentou problemas técnicos e voltou a ser exibido perto do meio-dia. 

O ex-ministro da Justiça está acompanhado pelo seu advogado Rodrigo Sánchez Rios. Moro afirmou que na reunião do dia 22, entre o presidente e seus principais ministros, Bolsonaro cobrou a substituição do superintendente da PF no Rio de Janeiro e do então diretor-geral da PF, Maurício Valeixo, assim como acesso a relatórios de inteligência e informação da corporação.

O decano do STF, ministro Celso de Mello, é o relator do inquérito que investiga as denúncias de Moro. Foi ele quem autorizou a exibição do vídeo, pediu perícia no material e determinou sigilo temporário sobre seu conteúdo. 

Últimas