Para 72%, Bolsonaro não tem culpa por militar preso com cocaína

Mesmo nas faixas etárias com menores índices, como entre mais jovens e mulheres, responsabilização do Presidente não chega a 35%

Para 72,8%, Bolsonaro não tem responsabilidade por militar preso com cocaína

Para 72,8%, Bolsonaro não tem responsabilidade por militar preso com cocaína

Marcos Corrêa/PR - 05.07.2019

Sete em cada dez brasileiros acham que o Presidente Jair Bolsonaro não tem qualquer responsabilidade sobre o militar preso na Espanha, com 39 quilos de cocaína transportado no avião da FAB (Força Aérea Brasileira).

Um levantamento do Instituto Paraná Pesquisas indica que 80,6% dos brasileiros tomaram conhecimento do fato e, destes, 72,8% acreditam que Bolsonaro não tem responsabilidade sobre o assunto.

Por outro lado, 22,4% acham que o Presidente tem de ser responsabilizado pelo ocorrido, enquanto 4,8% não souberam ou não quiseram opinar.

Os números dos que culpam Bolsonaro são maiores entre as mulheres (24,6%) e os jovens. Entre os 16 e os 24 anos, 33,2% acreditam na responsabilidade do Presidente. Conforme a idade vai avançando, é percebida uma redução neste índica, que é de 27,5% entre os 25 e 34 anos; 23,6% entre os 35 e os 44; 18,7% para aqueles entre 45 e 59 anos; e 12,5% entre os com idade superior aos 60 anos.

A pesquisa foi realizada pelo Instituto Paraná Pesquisas com 2.232 brasileiros maiores de 16 anos, em 154 municípios de 26 Estados e do Distrito Federal. As entrevistas foram realizadas por telefone entre os dias 20 e 25 de junho de 2019. A amostra tem grau de confiança de 95% para uma margem estimada de erro de aproximadamente pontos percentuais para os resultados gerais.