R7 Planalto Para Sergio Moro, Justiça no Brasil é cara e pouco eficiente

Para Sergio Moro, Justiça no Brasil é cara e pouco eficiente

Em seminário realizado pelo Supremo Tribunal Federal, ministro disse que é preciso retomar discussões e defendeu reformas no sistema judiciário 

Moro acredita que reformas no sistema são importantes

Moro acredita que reformas no sistema são importantes

FREDERICO BRASIL/FUTURA PRESS/ESTADÃO CONTEÚDO - 05/12/2019

O ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro, admitiu, no Seminário Supremo em Ação, realizado em Brasília, que é preciso "discutir a morosidade da Justiça de 1ª instância".

Segundo ele, "nosso sistema de Justiça é muito caro e, com respeito, pouco eficiente”.

Moro, que teve uma carreira de 22 anos como juiz federal, disse ainda que é de vital importância analisar e concretizar reformas no sistema judiciário.

— Nós temos que recuperar um pouco a ideia de reforma. A última relevante do Judiciário foi uma há bastante tempo, desde então não se discutiu mais.