CPI da Covid

R7 Planalto Senador Flavio Bolsonaro será suplente na CPI da Covid

Senador Flavio Bolsonaro será suplente na CPI da Covid

Filho do presidente da República assumirá vaga de Luiz Carlos Heinze (PP-RS), que passará para vaga titular na comissão 

Na imagem, senador Flavio Bolsonaro (Patriota-RJ)

Na imagem, senador Flavio Bolsonaro (Patriota-RJ)

Jefferson Rudy/Agência Senado - 09.07.2021

A ida do senador Ciro Nogueira (PP-PI) para o comando do Ministério da Casa Civil provocou alterações no quadro de membros da CPI da Covid no Senado Federal.

Nogueira deixou uma vaga titular na comissão, que será ocupada pelo senador Luiz Carlos Heinze (PP-RS).

Heinze até então era suplente - sua cadeira, por sua vez, será ocupada pelo senador Flavio Bolsonaro (Patriota-RJ), filho do presidente Jair Bolsonaro (sem partido). Os trabalhos da comissão voltam na semana que vem após o recesso parlamentar.

Presidente do PP e um dos líderes do centrão, grupo de partidos que dá sustentação política ao presidente no Congresso Nacional, Nogueira aceitou o convite para comandar a Casa Civil nesta segunda-feira (27).

A chegada do representante do centrão tem vários objetivos para o governo federal. Além de fortalecer a base de apoio do presidente, pode representar um importante passo para Bolsonaro se filiar a um novo partido, o PP, para concorrer à reeleição em 2022.

O senador, além de aliado de Bolsonaro no Congresso, era um dos membros governistas titulares da CPI da Covid, onde tentava rebater as denúncias que surgiram na comissão sobre supostos esquemas de corrupção na compra de vacinas pelo Ministério da Saúde.

Últimas