Novo Coronavírus

R7 Planalto Senador negocia doses da CoronaVac para Estado de Sergipe

Senador negocia doses da CoronaVac para Estado de Sergipe

Alessandro Vieira (Cidadania) conduz negociação. Mais de quatro milhões de doses da vacina serão vendidas para outros Estados, informou João Doria

Na imagem, senador Alessandro Vieira

Na imagem, senador Alessandro Vieira

Jefferson Rudy/Agência Senado 27.02.2019

O senador Alessandro Vieira (Cidadania-SE) afirmou nesta segunda-feira (7) que está em negociação com o Instituto Butantan para a compra de doses da CoronaVac, vacina contra covid-19 produzida pelo laboratório ligado ao Governo de São Paulo, para o Estado de Sergipe.

"Os contatos estão em andamento com o Instituto Butantã, que terá disponibilidade de vacinas produzidas em território nacional no mês de janeiro, e com outros fornecedores", afirmou Vieira.

Leia mais: Vacinação no estado de São Paulo pode começar no dia 25 de janeiro

“Só com um processo de vacinação acelerado vamos salvar vidas e resgatar a economia. O objetivo é garantir para os sergipanos acesso imediato ao imunizante, de modo que logo após a liberação pela Anvisa seja possível iniciar a vacinação”, acrescenta.

O senador informou também que apresentou o projeto ao governador do Estado do Sergipe, Belivaldo Chagas (PSD), que “deu sinal verde para a continuidade das negociações”.

Veja também: CoronaVac: 7 perguntas para entender a vacina do Butantan

O governador de São Paulo, João Doria (PSDB) relatou em coletiva de imprensa que o Estado paulista ia disponibilizar para outros Estados do Brasil um total de 4 milhões de doses da Coronavac a partir de 25 de janeiro.

“O objetivo é que os Estados que solicitarem a vacina possam iniciar a imunização de seus profissionais de saúde, público prioritário do programa de combate à covid-19”, disse Doria.

Últimas