STF

R7 Planalto Weber manda à PGR ação de Joice Hasselmann contra senador

Weber manda à PGR ação de Joice Hasselmann contra senador

Ministra do Supremo Tribunal Federal recebeu nesta quarta-feira (4) boletim de ocorrência feito pela Polícia Civil do Distrito Federal

Na imagem, deputada Joice Hasselmann (PSL-SP)

Na imagem, deputada Joice Hasselmann (PSL-SP)

Reprodução Câmara dos Deputados

A ministra Rosa Weber, do STF (Supremo Tribunal Federal), remeteu à PGR (Procuradoria-Geral da República) o pedido de investigação feito pela deputada federal Joice Hasselmann (PSL-SP) contra o senador Styvenson Valentim (Podemos-RN).

“Considerando a legitimidade concorrente para o aforamento de ação penal por crime contra a honra de servidor público em razão do exercício de suas funções (Súmula 714 do STF), determino, antes de qualquer providência, a abertura de vista dos autos à Procuradoria-Geral da República, para manifestação no prazo regimental”, afirma.

O boletim de ocorrência foi enviado ao STF nesta quarta-feira (4) pelo delegado-chefe da Polícia Civil do Distrito Federal, João Guilherme Medeiros Carvalho. Joice acusa o senador de atentar contra sua honra em uma live realizada em rede social.

“Aquilo ali, das duas uma. Ou duas de quinhentos (Styvenson leva as mãos à cabeça, fazendo chifres) ou uma carreira muito grande (inspira, como se cheirasse cocaína). Ai ficou doida e pronto... saiu batendo”, disse o senador na ocasião. Depois, falou que se expressou de maneira inadequada.

Joice, que apareceu com hematomas no rosto e na coluna, afirma ter sido vítima de um atentado. No último dia 18, acordou deitada numa poça de sangue em seu apartamento em Brasília, mas conta que não se lembra do que ocorreu.

Últimas