Thiago Helton Faça Parte: Confira dicas para planejar uma viagem acessível

Faça Parte: Confira dicas para planejar uma viagem acessível

Com participação espedial da Laura Martins do Blog "Cadeira Voadora"

Faça Parte: Confira dicas para planejar uma viagem acessível

Muitas das preocupações da vida de qualquer ser humano podem ser minimizadas ou eliminadas com um cuidadoso planejamento das suas ações. Afinal de contas, planejar, nada mais é do que criar um plano para tentar eliminar o máximo de problemas e otimizar o alcance de um determinado objetivo.

Quando o assunto é realizar o sonho de fazer a aquela viagem dos sonhos ou tornar isso um hábito de forma bem sucedida, a etapa do planejamento é fundamental. Sobretudo quando o viajante é pessoa com deficiência ou com mobilidade reduzida.

Muitas pessoas na nossa qualidade acabam se privando de novas e boas experiências por nutrir o pensamento equivocado de que viajar é algo complicado e cheio de obstáculos para uma pesssoa que, às vezes, mal consegue passear pelo seu próprio bairro ou conhecer os cantos da sua cidade, por causa das diversas barreiras de acessibilidade que enfretamos por aí.

Thiago Helton e Laura Martins analisando um mapa.

Thiago Helton e Laura Martins analisando um mapa.

Mas para ajudar a quebrar essa resistência e apresentar possíveis soluções para aqueles que desejam romper essas barreiras, o Faça Parte entrou em ação mais uma vez.

Aproveitando a época de férias e com muita gente já pensando no feriado de carnaval, nós resolvemos tratar de um assunto extremamente pertinente em matéria de acessibilidade, mas que infelizmente ainda é pouco abordado pela mídia em geral: viagens acessíveis.

Você tem ideia de como planejar uma viajem acessível? Como escolher o destino? Tem que ser rico para viajar? O que considerar na escolha do transporte, bagagem e hospedagem para evitar o máximo de perrengues possíveis?

No Faça Parte dessa semana nós respondemos essas e outras perguntas em uma lista de dicas criada por nossa amiga Laura Martins do Blog Cadeira Voadora, especialista no assunto.

Contudo, o recado deixado nessa missão vai muito além do planejamento de uma viagem acessível. Desde que eu decidi aprender a viver sobre rodas e encarar os diversos desafios que podem surgir na vida de qualquer ser humano nessa qualidade, eu passei a enxergar a necessidade de ver cada vez mais pessoas com deficiência nas ruas, sendo vistas, usando todos os tipos de serviços públicos e privados como qualquer outro cidadão (pelo menos tentando). Esse é o melhor caminho para se chamar atenção do Poder Público e da sociedade, sobretudo para as nossas demandas enquanto cidadãos de direito e consumidores.

Assista a matéria completa e ajude a compartilhar essas dicas! Quanto mais pessoas com deficiência tiverem uma vida ativa, mais próximos nós estaremos de um mundo mais acesível e inclusivo.

Deixo também o convite para acessarem o Blog da Cadeira Voadora com post completo sobre o hotel que visitamos!

PS: Fiquem ligados nas próximas matérias do quadro! Vamos falar tudo sobre os direitos das pessoas com deficiência na hora de viajar.

CLIQUE AQUI para acessar a playlist completa do Faça Parte!

Até a próxima!

Thiago Helton

    Access log