Após arrastões, PM reforça patrulhamento na orla da zona sul

Em Ipanema, morador diz ter visto mais de 20 assaltos pela sua janela; PM deteve 11 pessoas por envolvimento em crimes na orla durante o Carnaval

Suspeito foi detido depois de assalto na zona sul

Suspeito foi detido depois de assalto na zona sul

Reprodução/Record TV Rio

 Após os arrastões que assustaram foliões na orla de Ipanema na noite de domingo (11), a Polícia Militar informou que o policiamento na região foi reforçado. Imagens registraram criminosos praticando roubos na praia da zona sul na noite de domingo e na madrugada de segunda-feira (12). Um morador da região relatou que foi acordado por gritos que vinham da rua e que viu pelo menos 20 assaltos da sua janela.

Durante o Carnaval, a PM prendeu e apreendeu 11 pessoas (entre adultos e menores) envolvidos em ocorrências na orla. Na Deat (Delegacia de Apoio ao Turismo), pelo menos 30 casos de estrangeiros assaltados foram registrados.

Antes do Carnaval, o governador Luiz Fernando Pezão (MDB) havia anunciado um reforço no policiamento das ruas, com 2 mil policiais a mais do que o previsto inicialmente, totalizando 17 mil agentes

Em nota, a PM informou que o patrulhamento na zona sul já foi reforçado. Durante o dia, agentes do RPMon (Regimento de Polícia Montada – Cavalaria) fica responsável pelo patrulhamento, e a noite, entram equipes do BPGE (Batalhão de Policiamento em Grandes Eventos).

A corporação disse ainda que atua “nas consequências de graves problemas sociais, em especial a atuação de menores infratores”.

Para segurança das pessoas que estão pela cidade, a PM recomendou ainda “a necessidade de seguir regras mundiais de segurança - atenção ao uso do celular e demais pertences em aglomerações de pessoas”.

Veja o vídeo: