PF prende empresários do setor de transportes e políticos suspeitos de esquema de corrupção

Uma operação da Polícia Federal deflagrada na manhã desta terça-feira (14) investiga esquema de propina que envolve empresas de transporte e deputados da Alerj (Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro). O empresário Jacob Barata Filho e o ex-presidente da Fetranspor Leslie Teixeira foram presos no Rio. Segundo as investigações, o presidente da Alerj, Jorge Picciani, é um dos cabeças do esquema. Ele foi alvo de condução coercitiva e o MPF (Ministério Público Federal) já emitiu um pedido de prisão, que será analisado pelo TRF (Tribunal Regional Federal). O filho dele, Felipe Picciani, foi preso em Uberlândia.