Balanço Geral RJ Sem reajuste salarial, professores de São Gonçalo mantém greve há dois meses

Sem reajuste salarial, professores de São Gonçalo mantém greve há dois meses

Já dura dois meses a greve de professores da rede muncipal de ensino de São Gonçalo, na região metropolitana do Rio. Eles reivindicam reajuste salarial. Uma lei de 2008 determinou um piso salarial único, que deveria ser reajustado anualmente, para os professores em todo o Brasil, mas a prefeitura não se adequou à determinação. Atualmente, a categoria recebe menos de um salário mínimo.

    Access log