Rio de Janeiro Caminhoneiros fazem manifestações e interditam trechos da via Dutra e Rio-Petrópolis

Caminhoneiros fazem manifestações e interditam trechos da via Dutra e Rio-Petrópolis

Um manifestante foi preso na principal rodovia entre Rio e São Paulo por uso de arma de fogo

Manifestações simultâneas de caminhoneiros em oito Estados do Brasil provocaram interdições em pelo menos duas estradas do Rio de Janeiro na tarde desta segunda-feira (1º).

Na via Dutra, principal ligação entre Rio e São Paulo, motoristas chegaram a bloquear totalmente a pista por cerca de meia hora no sentido Rio na altura de Barra Mansa, no sul fluminense, mas liberaram por volta das 16h50. Policiais rodoviários federais prenderam um homem que participava do protesto por porte ilegal de arma de fogo.

Na rodovia Washington Luiz (BR-040), que liga a capital fluminense a Petrópolis, caminhoneiros tomavam uma faixa em cada sentido por volta das 17h no km 61. Carros e motos estavam conseguindo passar, mas as carretas eram paradas.

O protesto é pelo preço do pedágio. Motoristas de caminhões pagam de R$ 24 a R$ 48 no local, de acordo com o tamanho dos veículos.

Últimas