Rio de Janeiro Casal golpista é preso em hotel de luxo em Copacabana

Casal golpista é preso em hotel de luxo em Copacabana

Sidney e Vanessa são investigados por usarem documentos e cartões de crédito roubados

Sidney e a namorada falsificavam cartões e se hospedavam em hoteis de luxo

Sidney e a namorada falsificavam cartões e se hospedavam em hoteis de luxo

Reprodução

Um casal de estelionatários foi preso em um hotel de luxo em Copacabana, na zona sul do Rio, nesta quinta-feira (28). Sidney da Costa Neves e Vanessa Montenegro Melo são brasilienses e estavam hospedados desde o dia 25 deste mês com cartão de crédito clonado e documentos falsos. 

O casal foi preso na entrada no hotel, após serem monitorados. Com eles, os agentes encontraram carteiras de identidade e habilitação falsificadas, cheques, cartão de crédito roubado, vale alimentação, cartões de diferentes bancos, cartão de seguro e cartões de clubes de vantagens. 

Além dos dois, os policiais investigam um outro casal de estelionatários que age em conjunto com eles e também chegou a se hospedar no hotel, mas já havia deixado o local.

De acordo com a delegada Patrícia de Paiva Aguiar, da 13ª DP, além de usar documentos e cartões roubados, a quadrilha produz as falsificações e também tem um equipamento específico para a clonagem de cartões. 

Os agentes trabalham agora para identificar o outro casal e investigam se a quadrilha usou o material roubado e clonado para pagar a hospedagem e despesas em um resort na cidade de Itu, em São Paulo. Os quatro investigados se hospedaram no local no dia 22, antes de vir ao Rio, com um grupo de cerca de 20 pessoas, e foram à festa Tomorrowland.

Pelo menos uma vítima do grupo já foi identificada. Sidney e Vanessa já tinham passagem pela polícia pelo mesmo crime. Em 2013, eles foram detidos, também em Copacabana, fazendo compras com cartão clonado. O casal foi indiciado por tentativa de estelionato e associação criminosa.

Últimas