Rio de Janeiro Clínica incendiada por paciente é interditada na Baixada Fluminense

Clínica incendiada por paciente é interditada na Baixada Fluminense

MP-RJ já investigava unidade que mudou de nome para continuar funcionando em Nova Iguaçu

  • Rio de Janeiro | Márcio Mendes, do R7*

Clínica é interditada após paciente incendiar local

Clínica é interditada após paciente incendiar local

Reprodução/ Redes Sociais

A clínica incendiada por um paciente foi interditada pela Secretaria Municipal de Saúde de Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense, nesta quarta-feira (18), por problemas sanitários.

O incêndio deixou dois mortos e cinco feridos. Ao menos dois pacientes continuam internados em estado estável, segundo a prefeitura. 

A pasta também já solicitou à clínica que faça a transferência dos pacientes para outra unidade conveniada. Caso a medida não seja tomada, as pessoas que precisarem de internação serão encaminhadas ao sistema do governo estadual 

A clínica já era alvo de investigação do MP-RJ (Ministério Público do Rio de Janeiro) por diversas irregularidades, e o órgão havia conseguido uma decisão na Justiça para interditar o local.

Em 2021, a Promotoria identificou que a unidade chegou a mudar de nome para continuar funcionando. Agora, será instaurada uma apuração para acompanhar o caso e apurar se a clínica tentará reabrir com novo nome e endereço de forma irregular e ilegal.

Os responsáveis pela clínica não foram localizados pelo R7. O espaço está aberto para manifestação.

*Estagiário do R7, sob supervisão de Bruna Oliveira

Últimas