Novo Coronavírus

Rio de Janeiro Covid-19: aula presencial só após vacina ou medicamento, diz UFRJ

Covid-19: aula presencial só após vacina ou medicamento, diz UFRJ

Reitoria ressalta possibilidade do retorno progressivo das atividades no formato remoto emergencial para que o ano acadêmico não seja perdido

Aulas estão suspensas desde março de 2020

Aulas estão suspensas desde março de 2020

Reprodução/Record TV Rio

Perto de completar 90 dias de atividades presenciais suspensas, a UFRJ (Universidade Federal do Rio de Janeiro) anunciou nesta segunda-feira (15) que as aulas e atividades presenciais só serão retomadas após vacina ou algum medicamento eficaz contra o novo coronavírus.

Veja também: Incêndio atinge refinaria da Petrobras em Duque de Caxias (RJ)

Segundo a reitoria da universidade, é preciso discutir com responsabilidade a possibilidade do retorno progressivo das atividades no formato remoto emergencial para que o ano acadêmico de 2020 não seja completamente perdido.

"Pretendemos ter um plano de retorno que seja referência para o Estado do Rio de Janeiro, com base no diálogo permanente dentro e fora da comunidade universitária", afirmou em nota.

Além disso, foi criada uma comissão, responsável por atender as demandas relacionadas a retomada das atividades acadêmicas de graduação, pós-graduação e extensão.

“Em meio a uma série de atitudes questionáveis por parte do poder público, que poderiam levar à desestabilização da universidade, precisamos nos reinventar como instituição”, finalizou.

*Sob supervisão de Bruna Oliveira

Últimas