Cristo Redentor recebe policiamento do programa Segurança Presente

Intenção é aumentar a segurança do local e reforçar cumprimento dos protocolos para prevenção da covid-19

Operação Cristo Presente funcionará diariamente, durante 24 horas

Operação Cristo Presente funcionará diariamente, durante 24 horas

Carlos Magno

O Cristo Redentor, localizado na zona sul do Rio, recebe a partir desta quarta-feira (26) a 30ª base do programa Segurança Presente. A fiscalização será feita diariamente durante 24 horas com patrulhamento a pé, em motocicletas e em viaturas.

Reabertura leva centenas de pessoas a pontos turísticos do Rio

O ponto turístico reabriu no dia 15 de agosto, após ficar cinco meses fechado por causa da pandemia do novo coronavírus. Para receber os visitantes, o local passou por uma desinfecção reforçada.

O objetivo do Cristo Presente é aumentar a segurança do local, que é um dos pontos turísticos mais visitados do mundo, e reforçar o cumprimento dos protocolos para prevenção da covid-19, o que inclui o distanciamento social.

O governador do Rio, Wilson Witzel, afirmou durante a cerimônia de lançamento do programa, que ocorreu nos pés do Cristo, que não é possível que haja policiamento em todas as áreas, mas que vai reforçar os locais mais movimentados no Estado.

“O Segurança Presente é um programa próximo da comunidade, que conversa e ouve a população que tem ali um policial com um nome. Não é possível a polícia estar em todos os lugares mas, em determinadas áreas, como é o caso do Cristo Redentor, da Estrada das Paineiras, onde há fluxo de turistas, não podemos permitir que eles fiquem em situação de vulnerabilidade” afirmou Witzel.

*Estagiária do R7, sob supervisão de Odair Braz Jr.