Coronavírus

Rio de Janeiro Crivella quer usar aviões da FAB para buscar respiradores da China

Crivella quer usar aviões da FAB para buscar respiradores da China

A entrega de cerca de 800 equipamentos está prevista para abril e maio. Respiradores são essenciais para tratamentos de casos graves da covid-19

Crivella também passar por teste para novo coronavírus

Crivella também passar por teste para novo coronavírus

Fernando Frazão/Agência Brasil

O prefeito do Rio de Janeiro, Marcelo Crivella, anunciou, nesta terça-feira (31), que está em negociações com as Forças Armadas para que aviões da FAB (Força Aérea Brasileira) viajem à China com objetivo de antecipar a entrega de 806 respiradores mecânicos adquiridos pelo município.

Segundo a prefeitura, a entrega de parte desses equipamentos, comprados antes do início da pandemia do novo coronavírus, está prevista para os meses de abril e maio.

Durante a entrevista coletiva, Crivella destacou a importância destes respiradores no tratamento dos casos mais graves da covid-19.

"Nós precisaremos de uns quatro ou cinco aviões de campanha, porque temos na China  mais de 150 toneladas de material comprado pela prefeitura para trazer. Eles nos pediram quais são os aeroportos e nós já informamos. Estamos apenas aguardando a decisão. São US$ 300 milhões em equipamentos", disse o prefeito.

Mais cedo, o prefeito Marcelo Crivella confirmou também que fará o teste para o novo coronavírus, após a secretária municipal de Saúde, Beatriz Busch, ser internada com fortes sintomas da covid-19. 

Últimas