Novo Coronavírus

Rio de Janeiro Crivella suspende 16 feiras livres por não cumprirem regras de prevenção

Crivella suspende 16 feiras livres por não cumprirem regras de prevenção

Medida foi tomada depois que fiscais da Coordenação de Feira encontraram irregularidades e descumprimento às regras de combate ao Covid-19

  • Rio de Janeiro | Raíza Chaves, do R7*

Crivella suspendeu 16 das 162 feiras livres da cidade

Crivella suspendeu 16 das 162 feiras livres da cidade

Divulgação/Prefeitura do Rio

O Prefeito do Rio, Marcelo Crivella anunciou nesta quinta-feira (7) a suspensão de 16 das 162  feiras livres da cidade, por uma semana. 

Veja também: Ex-subsecretário é preso suspeito de fraude na compra de respiradores

De acordo com Crivella, a medida foi tomada depois que fiscais da Coordenação de Feira encontraram irregularidades e descumprimento às regras estabelecidas para prevenção ao novo coronavírus.

Feirantes assinaram TAC (Termo de Ajuste de Conduta), com normas de funcionamento, mas alguns não o respeitaram e voltam a ficar impedidos de montar as barracas.

No caso de descumprimento, serão tomadas as providências legais cabíveis, que pode levar a suspensão por até duas semanas dos feirantes ou das feiras.

Além disso, existe a possibilidade do pagamento de multa diária de R$ 20 mil.

Lista das feiras suspensas

A partir de hoje, não haverá feira livre nos seguintes endereços:

Feira 112 ; Av. Augusto Severo, Glória; Domingo

Feira 129; Rua Ararupe Júnior, Andaraí; Domingo

Feira 42; Rua Marques de Queluz, Irajá; Domingo

Feira 189; Rua Ponta Porã, Vista Alegre; Domingo

Feira 98; Rua Barão, Praça Seca; Domingo

Feira 175; Rua Carnaúba, Senador Camará; Domingo

Feira 480; Rua Edgard Calheiros, Cidade de Deus; Domingo

Feira 173; Rua Franz Liszt, Jardim América; Terça

Feira 66; Rua Comendador Siqueira, Pechincha; Quarta

Feira 53; Rua Ronald de Carvalho, Copacabana; Quinta

Feira 108; Rua Ariapó, Taquara; Quinta

Feira 82; Av Júlio Furtado, Grajaú; Sexta

Feira 34; Rua Tadeu Kosciusco, Centro; Sábado

Feira 27; Rua Manoel de Abreu, Vila Isabel; Sábado

Feira 176; Rua Monodora, Gardênia Azul; Sábado

Feira 417; Rua Campeiro Mor, Sepetiba, Sábado

Punição só para quem não respeitou

A suspensão das feiras livres já havia sido determinada pelo prefeito Marcelo Crivella no dia 22 de abril, por 10 dias.  Porém, o prazo de suspensão encurtou e no dia 29 de abril, as barracas voltaram a ser montadas.

A reabertura foi permitida após compromissos firmados no TAC, que os feirantes e a Prefeitura acertaram no dia 28 de abril. A determinação da suspensão foi direcionada apenas as feiras livres que não seguiram os termos acordados.

Entre as medidas definidas está o uso de máscara e a disponibilização de álcool em gel para feirantes e fregueses, além do distanciamento entre as barracas e o controle para evitar aglomerações.

*Sob supervisão de PH Rosa

Últimas