Rio de Janeiro Disque Denúncia pede informações sobre assassino de PM no Rio

Disque Denúncia pede informações sobre assassino de PM no Rio

Policial foi atingido por um tiro na cabeça durante abordagem a criminosos. Ele é o 38º agente da corporação morto em 2021

O Disque Denúncia divulgou um cartaz para pedir informações que levem à identificação e prisão dos envolvidos na morte do soldado da Polícia Militar do Rio, Clécio Luiz Braga de Carvalho, de 35 anos. O objetivo é ajudar nas investigações do Núcleo de Investigação de Morte de Policiais da Delegacia de Homicídios da Capital.

PM foi morto na Penha

PM foi morto na Penha

Divulgação

O PM foi atingido por um tiro na cabeça, na quinta-feira (12), durante abordagem a dois criminosos em uma moto, na esquina da rua Iracema com Dr Luís Gaudie Ley, na Penha Circular, zona norte do Rio.

O soldado chegou a ser encaminhado para o Hospital Getúlio Vargas, na Penha, mas não resistiu aos ferimentos. Já os criminosos fugiram.

O PM trabalhava na UPP (Unidade de Polícia Pacificadora) Chatuba/Penha. Ele havia ingressado na corporação em 2018. O agente deixou esposa e um filho de sete anos.

Com a morte do soldado Clécio, chega a cinquenta e dois o número de agentes de segurança mortos em 2021, sendo 38 da Polícia Militar.

Disque Denúncia recebe informações pelos seguintes canais de atendimento:

Zap do Portal dos Procurados: (21) 98849-6099
(21) 2253 1177 ou 0300-253-1177
APP "Disque Denúncia RJ"
Facebook/(inbox): https://www.facebook.com/procuradosrj/,
https://twitter.com/PProcurados (mensagens).

Últimas