Rio de Janeiro Dois funcionários morrem após acidente em estaleiro de Niterói

Dois funcionários morrem após acidente em estaleiro de Niterói

Vítimas são do sexo masculino e estavam em estrutura de teste para realização de reparos em dique

  • Rio de Janeiro | Victor Tozo, do R7*, com Record TV Rio

Dois funcionários da embarcação morreram em acidente

Dois funcionários da embarcação morreram em acidente

Reproduçã/Record TV Rio

Dois funcionários morreram após uma embarcação afundar nesta segunda-feira (26) no estaleiro de Niterói, na Região Metropolitana do Rio de Janeiro.

De acordo com o Corpo de Bombeiros, as vítimas foram identificadas como dois homens, um de 68 anos e outro de 45. Os corpos já foram retirados do local e passaram por perícia. A 78ª DP (Barreto) investiga o caso.

Os quartéis de Niterói, Barra da Tijuca e Botafogo foram acionados para o local do acidente por volta de 11h. Nesta tarde, as vítimas foram resgatadas em óbito no dique flutuante Alexandrino, que estava submerso. As buscas já foram encerradas.

De acordo com o presidente do Sindicato dos Trabalhadores de Estaleiro, Edson Rocha, os dois funcionários faziam manutenção no dique embarcados em uma balsa, que afundou. Rocha afirmou, em entrevista ao Balanço Geral RJ, que a estrutura estava sendo testada e que a empresa responsável pela embarcação havia construído a balsa para que reparos fossem realizados de forma mais segura.

Em nota, a Renave, responsável pelo estaleiro, relatou que a estrutura metálica estava sendo idealizada como protótipo para inspeção em costados de embarcações submergiu de maneira inesperada. Os profissionais envolvidos no acidente estavam acessando a casa de bombas para testes de abertura e fechamento de válvulas.

A empresa afirma que os motivos do acidente ainda são desconhecidos e estão sendo apurados pelos órgãos periciais.

"Nos solidarizamos com as famílias e prestaremos todo o suporte necessário
nesse doloroso momento", informou a empresa.

*Estagiário do R7, sob supervisão de Bruna Oliveira

Últimas