Coronavírus

Rio de Janeiro Duque de Caxias suspende uso obrigatório de máscara

Duque de Caxias suspende uso obrigatório de máscara

Pessoas infectadas ou com suspeita de estar contaminadas com o coronavírus deverão continuar utilizando máscara

  • Rio de Janeiro | Inácio Loyola, do R7*

O município de Duque de Caxias, na Baixada Fluminense, suspendeu o uso obrigatório de máscara facial. O decreto foi publicado pelo prefeito Washington Reis nesta terça-feira (5).

Caxias suspende uso de máscara

Caxias suspende uso de máscara

Reprodução/Record TV Rio

Segundo o decreto, “fica desobrigado o uso de máscara facial no período da pandemia do Covid-19, em local aberto ou fechado, em todo o território do Município de Duque de Caxias”.

Apesar da liberação, pessoas infectadas ou com suspeita de estar contaminadas pelo coronavírus, durante o período de transmissão, deverão continuar utilizando máscara.

A decisão foi tomada por causa do “alto número de pessoas vacinadas contra o novo coronavírus na cidade da Baixada Fluminense e dos índices de casos em constante queda”.

A cidade de Duque de Caxias alcançou 46,8% do público-alvo vacinado com a segunda dose contra a Covid-19. Os vacinados com a primeira dose ultrapassaram a marca de 70%. 

Levantamento da Alerj

Um estudo da Alerj (Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro) revelou que municípios da periferia metropolitana do Rio apresentam baixo índice de vacinação. A pesquisa foi realizada pela Assessoria Fiscal com base nos dados do Vacinômetro, do Ministério da Saúde.

“No que se refere ao esquema vacinal completo, entre os dez com menor cobertura entre os municípios do Estado estão sete da periferia: Itaboraí, Duque de Caxias, Japeri, Belford Roxo, São João de Meriti, São Gonçalo e Queimados — este, com 14,50% dos vacinados, em último lugar”, informou o estudo.

O diretor-presidente da Assessoria Fiscal da Alerj, Mauro Osorio, comentou a pesquisa:

“Temos, na Região Metropolitana do Rio, uma falta de estrutura absurda. É importante analisarmos este fato, que tem reflexos na Saúde e nas demais áreas, como Segurança Pública”, disse o diretor.

O Estado do Rio de Janeiro é o oitavo do país no ranking de população totalmente imunizada, com 39,1% de seus habitantes com esquema vacinal completo.

*Estagiário do R7, sob supervisão de Odair Braz Jr.

Últimas