Rio de Janeiro Família de belga morto no Rio ganha guarda do filho da vítima

Família de belga morto no Rio ganha guarda do filho da vítima

Mãe da criança está presa preventivamente e é suspeita de encomendar a morte do ex-marido

Família de belga morto no Rio ganha guarda do filho da vítima

Belga foi morto em seu albergue em Santa Teresa em 2015

Belga foi morto em seu albergue em Santa Teresa em 2015

Rede Record

A família do belga Benoit Gasto, morto em seu albergue em Santa Teresa, em abril de 2015, ganhou a guarda provisória do filho dele. Atualmente, a criança de três anos está com a avó materna.

A mãe do menino, Ana Moura, de 32 anos, é suspeita de planejar o crime e está presa preventivamente.

De acordo com o inquérito da Divisão de Homicídios, o crime foi premeditado. Ana encomendou a morte do marido ao bombeiro Sandro Fernando Reis.

Segundo as investigações, a mulher facilitou a entrada do bombeiro no albergue, que ficou hospedado no local. Fernando é suspeito de dar um tiro na cabeça da vítima. 

Parentes da vítima disseram que o sonho do pai era ver o menino crescer na Bélgica devido à qualidade da educação. Além disso, o garoto já foi matriculado numa escola daquele país.

Assista ao vídeo

    Access log