Rio de Janeiro Homem é preso por aliciar 17 jovens jogadores de futebol no RJ

Homem é preso por aliciar 17 jovens jogadores de futebol no RJ

Ele já havia sido preso em 2020 pelo mesmo crime. Adolescentes foram encontrados em cárcere privado em sítio de Caxias

  • Rio de Janeiro | Inácio Loyola, do R7*

Um homem foi preso, nesta quinta-feira (22), por aliciar 17 jovens atletas de futebol em Duque de Caxias, na Baixada Fluminense. A ação da 61ª DP (Xerém) teve apoio do Conselho Tutelar e encontrou os 17 adolescentes, sendo seis dos Estados do Pará e do Amazonas, em um sítio utilizado como espaço de treinamento e alojamento.

Criminoso manteve jovens em cárcere privado em sítio

Criminoso manteve jovens em cárcere privado em sítio

Divulgação/Record TV Rio

As investigações apontaram que o suspeito aliciava as famílias das vítimas com uma falsa promessa de que treinaria os jogadores e encaminharia para times de futebol. Ele cobrava uma taxa de R$ 400 para custear treinamento e estadia.

De acordo com a polícia, o homem já havia sido preso, em dezembro de 2020, pelo mesmo crime. Na época, foram encontrados 13 jovens mantidos em cárcere privado em alojamentos sem proteção contra incêndios e com iluminação precária. Os menores não tinham acesso aos documentos e eram controlados durante o contato com familiares.

A delegada Juliana Emerique disse, em entrevista ao Cidade Alerta RJ, que as investigações vão continuar para apurar se o dono do sítio participava do esquema de aliciamento:

“Nós vamos ouvir o proprietário deste sítio para saber até que ponto existe boa fé nesse contrato, se ele tinha ciência ou se até mesmo participava do delito”, afirmou a delegada.

*Estagiário do R7, sob supervisão de Bruna Oliveira

Últimas