Hospital de campanha no Maracanã tem princípio de incêndio

Local foi construído em 38 dias e funcionará na área externa do estádio; SES afirmou que estrutura e equipamentos não sofreram danos

Hospital de campanha vai inaugurar neste sábado (09)

Hospital de campanha vai inaugurar neste sábado (09)

Reprodução

O hospital de Campanha no Maracanã sofreu um princípio de incêndio na manhã deste sábado (9), no dia em que vai ser inaugurado. Ele foi construído em 38 dias e funcionará na área externa do estádio.

Veja também: Dois pacientes morrem após falta de energia em hospital do Rio

De acordo com a SES (Secretaria de Saúde) uma equipe de brigadistas do hospital controlou o fogo causado por um curto-circuito. A estrutura e os equipamentos não foram danificados e o hospital está pronto para receber pacientes encaminhados pelo sistema de regulação.

Segundo o Governo do Estado, neste fim de semana serão abertos 170 dos 400 leitos do hospital, sendo 50 de UTI e 120 de enfermaria. Os outros 230 ainda vão ser finalizados e serão entregues à população até a próxima sexta-feira (15).

Wilson Witzel, governador do Rio, afirmou que o hospital tem uma complexidade maior que o feito na China, em 30 dias.

"Em São Paulo de 9 a 10% dos hospitais são destinados à UTI. Aqui, 100% dos hospitais serão destinados à UTI", disse ele.

*Sob supervisão de PH Rosa