Rio de Janeiro Idosa de 80 anos é presa por suspeita de maus-tratos a animais em Copacabana

Idosa de 80 anos é presa por suspeita de maus-tratos a animais em Copacabana

No imóvel, viviam onze cachorros, um papagaio e uma tartaruga. A polícia chegou ao local após denúncia sobre morte de um deles

  • Rio de Janeiro | Bruna Zulata*, do R7, com Bruno Assunção da Record Tv Rio

Cerca de dez cachorros viviam em local insalubre e apresentavam quadro de desnutrição

Cerca de dez cachorros viviam em local insalubre e apresentavam quadro de desnutrição

Divulgação / Polícia Civil

Uma idosa de 80 anos foi presa, nesta segunda-feira (9), sob suspeita de maus-tratos contra animais que viviam em um apartamento em Copacabana, na zona sul do Rio. Cerca de onze cachorros, uma tartaruga e um papagaio foram resgatados e encaminhados para um abrigo da prefeitura.

A polícia chegou ao local após uma denúncia anônima de vizinhos. A investigação teve acesso a  imagens de câmeras de segurança que flagraram um dos cachorros ao cair do 10º andar. O vídeo ainda mostrou a idosa indo até o local para retirar o corpo do animal, que não resistiu.

De acordo com a Polícia Civil, os bichos apresentavam quadro de desnutrição e fortes indícios de maus-tratos. Além disso, os agentes constataram que o local era insalubre. 

Ainda segundo os agentes, os cães foram encaminhados para o abrigo da Prefeitura do Rio de Janeiro. O papagaio e a tartaruga foram transferidos para o Ibama, por se tratarem de animais silvestres.

A idosa foi encaminhada para a 13ª DP (Ipanema) e vai responder por crime ambiental e de maus-tratos, sob pena de dois a cinco anos de prisão.

*Estagiária do R7, sob supervisão de Bruna Oliveira 

Últimas