Lei que autoriza circulação de cães em praia entra em vigor no Rio

Segundo a prefeitura, regulamentação do projeto ainda é estudada; uma das medidas deve ser a delimitação da faixa de areia para circulação dos animais

Lei determina que animais utilizem coleiras

Lei determina que animais utilizem coleiras

ILAN PELLENBERG/FRAMEPHOTO/ESTADÃO CONTEÚDO - 25.9.2019

Entrou em vigor no município do Rio de Janeiro nesta quarta-feira (25) a lei que autoriza a circulação de cachorros em todas as praias. No entanto, o prefeito Marcelo Crivella fez uma sanção tácita, o que significa que a regulamentação do projeto ainda será estudada.

Leia mais: Ágatha: fragmento de projétil é compatível com fuzil, aponta laudo

De acordo com a Secretaria Municipal de Meio Ambiente, as instituições vão se reunir para entender se é possível adaptar essa nova realidade ao Sistema Nacional de Unidade de Conservação, já que todas as praias da capital fluminense estão incluídas em unidades preservadas.

Ainda segundo a pasta, haverá uma consulta a outras cidades onde essa prática é permitida com objetivo de avaliar a melhor forma de implementação na cidade.

De autoria do vereador Luiz Carlos Ramos Filho (Pode), a lei 980/2018 determina que os animais utilizem coleiras e que os responsáveis recolham os dejetos de cães nas praias, além de estabelecer que a Prefeitura do Rio delimite faixas de areia nas praias para permanência e circulação dos cachorros.

A prefeitura informou também que o Comitê Gestor da Orla será convocado para avaliar o assunto na próxima reunião. A data não foi informada.

*Estagiária do R7 sob supervisão de Bruna Oliveira