Rio de Janeiro Menino baleado na cabeça recebe alta hospitalar após quase três meses internado no Rio

Menino baleado na cabeça recebe alta hospitalar após quase três meses internado no Rio

Caio Douglas Nascimento, de 17 anos, sofreu ataque quando passava de carro com a mãe pela Cidade Alta, na zona norte

  • Rio de Janeiro | Rafaela Oliveira, do R7*, com Record TV Rio

Caio, de 17 anos, foi baleado em fevereiro e estava no Hospital Getúlio Vargas

Caio, de 17 anos, foi baleado em fevereiro e estava no Hospital Getúlio Vargas

Reprodução/Record TV Rio

Caio Douglas Nascimento, de 17 anos, recebeu alta hospitalar na manhã desta segunda-feira (25), na zona norte do Rio de Janeiro. Ele havia sido baleado na cabeça no dia 1º de fevereiro quando passava de carro com a mãe na estrada Porto Velho. 

Desde então, o adolescente estava internado no Hospital Estadual Getúlio Vargas, na Penha, onde ficou em estado grave por vários dias. Para Alexsandra Nascimento, mãe do menino, Caio está vivo graças ao atendimento médico rápido que recebeu. 

A Polícia Militar informou que, na ocasião, traficantes da Cidade Alta abriram fogo contra o carro da família. “A gente tá tão acostumada a ouvir tiro”, disse Alexsandra, ao explicar que demorou alguns segundos para perceber o ataque, após ter errado o caminho e entrado sem querer em um dos acessos à comunidade. 

Amanhã, Caio completará 18 anos de idade. "Eu sabia que esse dia ia acontecer", contou Alexsandra, sobre a recuperação do filho.

Segundo a 38ª DP (Brás de Pina), as investigações seguem em andamento para identificar e prender o responsável pelo disparo que atingiu o adolescente.

*Estagiária do R7, sob supervisão de PH Rosa

Últimas