Rio de Janeiro Mesmo sem autorização, blocos de Carnaval desfilam no centro do Rio

Mesmo sem autorização, blocos de Carnaval desfilam no centro do Rio

Apesar da suspensão do Carnaval de rua pelo 2º ano consecutivo, prefeitura disse que pessoas não estão proibidas de sair às ruas

  • Rio de Janeiro | Do R7, com informações da Agência Estado

Blocos desfilaram pelo centro do Rio no feriadão

Blocos desfilaram pelo centro do Rio no feriadão

GABRIEL BASTOS/FUTURA PRESS/ESTADÃO CONTEÚDO/23.04.2022

Mesmo sem autorização da prefeitura, blocos arrastaram foliões no centro do Rio neste feriadão. Somente os desfiles das escolas de samba no Sambódromo e na Intendente Magalhães, além de eventos no Terreirão do Samba, entraram no calendário oficial do Carnaval fora de época da cidade.

Desde a quarta-feira (20), há registros de desfiles de blocos em diversos pontos do Rio, apesar de a prefeitura ter anunciado, em janeiro, a suspensão do Carnaval de rua devido à dificuldade de fazer o controle sanitário em meio à pandemia de Covid-19.

Pouco antes do início do Carnaval fora de época, no entanto, representantes da Prefeitura do Rio já haviam dito que não estava proibido que "pessoas saíssem às ruas" e que os guardas municipais e os agentes da Seop (Secretaria de Ordem Pública) atuariam para manter o ordenamento urbano e a fluidez do trânsito.

O prefeito Eduardo Paes também chegou a escrever nas redes sociais que o correto seria "não ter bloco" e, no dia seguinte, afirmou que a prefeitura não proibiria festas de rua neste período.

"A prefeitura faz esse apelo, faz esse pedido (para não se realizarem os blocos), mas eu já disse uma vez: eu não vou ficar colocando guarda municipal, fiscal da prefeitura, atrás de folião. A gente pede só esta compreensão, especialmente com a limpeza, o trânsito da cidade", declarou o prefeito.

Os blocos mais tradicionais, que necessitam de grande estrutura, acataram a decisão e não saíram às ruas pelo segundo ano consecutivo.

Últimas