Rio de Janeiro "Nasci de novo", diz mulher arrastada durante assalto no Rio

"Nasci de novo", diz mulher arrastada durante assalto no Rio

Aline de Andrade estava em ponto de ônibus quando foi abordada por criminoso; ela ficou presa à moto e foi arrastada por 200m

  • Rio de Janeiro | Rafael Nascimento do R7 *, com Record TV Rio

Ação foi registrada por câmeras de segurança

Ação foi registrada por câmeras de segurança

Divulgação/ Polícia Civil

Uma mulher, identificada como Aline Costa de Andrade, foi arrastada por cerca de 200 metros durante um assalto, no Anil, em Jacarepaguá, na zona oeste do Rio de Janeiro, na tarde da última quarta-feira (14). Toda a ação foi registrada por câmeras de segurança.

A vítima estava em um ponto de ônibus, na estrada do Engenho D'água, altura do número 1300, quando foi abordada por um bandido em uma moto que a ordenou que entregasse o celular. Ao perceber que o assaltante não estava armado, Aline se jogou na moto em uma reação, mas ficou presa e foi arrastada pela calçada, sofrendo lesões pelo corpo.

Em entrevista por telefone ao Cidade Alerta, da Record TV Rio, Aline deu detalhes do assalto.

“Eu caí, ele foi me jogando para o canto da parede. No que me recordo eu bati a cabeça em uma árvore”, relatou.

Sobre ter reagido ao assalto, a vítima confessou que se arrependeu do ato.

“Nasci de novo! Quando eu percebi que ele não tava armado, tentei subir na moto, ele me derrubou e eu segurei ele. Me arrependo de ter reagido".

Aline foi encaminhada ao Hospital Lourenço Jorge, na Barra da Tijuca, zona oeste do Rio, onde passou por exames e foi liberada. Em nota, a Policia Civil informou que a mulher ainda não registrou a ocorrência em uma unidade policial, no entanto, após tomar conhecimento do caso, os agentes da 32º DP (Taquara) iniciaram investigações para localizar a vítima. Os policiais pretendem apurar todos os fatos para identificar e prender o autor do crime.

*Estagiário do R7 sob supervisão de Ingrid Alfaya

Últimas