Rio de Janeiro Pedreiro é morto a tiros em comunidade de São Gonçalo (RJ)

Pedreiro é morto a tiros em comunidade de São Gonçalo (RJ)

Após o caso, a Polícia Militar fez uma operação na área. A ação deixou um suspeito ferido e outros dois terminaram presos

Protesto contra violência interditou BR-101

Protesto contra violência interditou BR-101

Record TV

Um pedreiro foi morto a tiros na comunidade do Brejal, no bairro do Bom Retiro, em São Gonçalo, Região Metropolitana do Rio de Janeiro, na manhã desta sexta-feira (14).

Segundo informações da Record TV, o homem, identificado como Cavalcante, foi atingido por uma bala perdida após chegar ao local para cobrar o pagamento de um serviço. No entanto, a PM afirmou que criminosos passaram e atiraram contra a vítima.

Após a morte do pedreiro, a PM realizou uma operação na área.  A ação terminou com um criminoso ferido e outros dois presos, além de três fuzis e drogas apreendidos.

A Delegacia de Homicídios de Niterói e São Gonçalo abriu um inquérito para investigar o caso. Segundo a Polícia Civil, o corpo da vítima foi encaminhada para o IML (Instituto Médico Legal) da região. A DHNSG vai solicitar o armamento dos policiais militares do 7º BPM que realizavam uma operação na localidade e de um suspeito de integrar o tráfico na comunidade, que morreu após confronto, para exame de confronto balistico.

Também hoje moradores fizeram uma manifestação na BR 101, km 304, devido aos últimos episódios de violência em São Gonçalo. No início da semana, outras três pessoas foram baleadas no Jardim Catarina.

Durante o protesto, o grupo ateou fogo em pneus, interditando ambos os sentidos da via. O ato foi encerrado após a chegada do Corpo de Bombeiros.

*Estagiária do R7, sob supervisão de Bruna Oliveira.