Rio de Janeiro Polícia faz operação contra braço financeiro da maior milícia do RJ

Polícia faz operação contra braço financeiro da maior milícia do RJ

Com o apoio do Ministério Público do Rio, a Polícia Civil tenta cumprir 36 mandados de busca e apreensão em Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense

Operação aconteceu em Nova Iguaçu (RJ)

Operação aconteceu em Nova Iguaçu (RJ)

Reprodução / Record TV Rio

A Polícia Civil, com o apoio do Gaeco (Grupo de Atuação Especial no Combate ao Crime Organizado), do MP-RJ (Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro), realiza uma operação para atacar o braço financeiro da milícia que atua em Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense, na manhã desta sexta-feira (23), e tenta cumprir 36 mandados de busca e apreensão em imóveis explorados pela quadrilha.

Leia mais: RJ: vítimas de violência doméstica poderão ter direito a aluguel social

Segundo as investigações, o grupo paramilitar comandado por “Ecko”, invadiu diversas comunidades no município fortemente armados.

Visando aumentar seu poder financeiro, a quadrilha amplia suas formas de atuação, como exploração e comércio clandestino de gás, comercialização de internet, TV a cabo, transporte público regular, comércio de cigarros contrabandeados do Paraguai, venda irregular de imóveis e exploração imobiliária. Além de extorquir comerciantes, praticar agiotagem e clonagem de cartões de crédito.

*Estagiário do R7, sob supervisão de PH Rosa