Rio de Janeiro Polícia prende casal por venda de medicamentos abortivos na Baixada Fluminense

Polícia prende casal por venda de medicamentos abortivos na Baixada Fluminense

Segundo as investigações, a dupla usava o serviço dos Correios para enviar remédios a outros estados 

Casal usava a internet para comercializar ilegalmente remédios abortivos

Casal usava a internet para comercializar ilegalmente remédios abortivos

Divulgação/ Polícia Civil

Um casal foi preso em flagrante em Queimados, na Baixada Fluminense, nesta segunda-feira (26), por comercializar medicamentos abortivos, cuja venda é proibida.

A dupla começou a ser monitorada após denúncias anônimas. As investigações da Polícia Civil apontaram que os suspeitos usavam os Correios para o enviar os remédios, inclusive a outros estados, como São Paulo e Pernambuco.

Com o apoio do setor de inteligência e imagens flagradas por câmeras de segurança, os agentes conseguiram localizar e prender o casal.

Segundo a polícia, os suspeitos disseram que usavam uma conta falsa nas redes sociais para oferecer a medicação e, por meio de um grupo em um aplicativo de mensagens, recebiam as encomendas e davam mais detalhes sobre o remédio. 

Últimas