Novo Coronavírus

Rio de Janeiro Prefeito de Caxias é intimado por não cumprir plano de imunização

Prefeito de Caxias é intimado por não cumprir plano de imunização

Secretário municipal de Saúde também deve prestar esclarecimentos; município deve informar número de vacinados

O prefeito Washington Reis e o secretário municipal de Saúde, Antônio Manoel de Oliveira Neto, foram intimados por não cumprirem a ordem prioritária de vacinação contra a covid-19 em Duque de Caxias, na Baixada Fluminense. 

Filas chegaram geraram quase 20 km de congestionamento

Filas chegaram geraram quase 20 km de congestionamento

Reprodução/Record TV Rio

A decisão da juíza Elizabeth Maria Saad, da 3ª Vara Cível de Duque de Caxias, determinou que o município seguisse o Plano Nacional de Imunização que organiza a fila de prioridade do idoso com idade mais elevada para a mais baixa, sem considerar a atividade profissional. 

"Destaco que a ordem prioritária de escalonamento de grupos de vacinação, por certo, foi baseada em critérios científicos. Tais critérios são objetivos e devem ser cumpridos pelos entes da federação, não se admitindo que cada o gestor municipal altere a ordem prioritária de vacinação. A alteração da ordem da prioridade dos grupos de vacinação poderá ocasionar danos irreparáveis, visto que ainda há número limitado de vacinas", disse a magistrada. 

Agressor é preso por intimidar mulher dentro de delegacia no Rio

Além disso, a cidade deve informar o número de pessoas vacinadas até o dia 23 de fevereiro e a quantidade de pessoas que receberam a segunda dose do imunizante. A prefeitura deve declarar ainda o o total de doses de CoronaVac recebidas e a quantidade reservada para a aplicação da segunda dose em quem já foi imunizado. 

Caso a ordem não seja cumprida, haverá multa diária e pessoal de R$50 mil. 

O Portal R7 procurou a Prefeitura de Duque de Caxias, mas ainda não obteve retorno. 

Filas quilométricas

A ordem para que Duque de Caxias siga o Plano Nacional de Imunização aconteceu após o município anunciar a imunização de idosos com idades a partir de 60 anos. O anúncio gerou filas quilométricas e engarrafamentos que chegaram a quase 20 km. 

*Estagiária do R7, sob supervisão de PH Rosa

Últimas