Meio Ambiente

Rio de Janeiro Prefeitura do Rio desarticula condomínio ilegal na zona oeste

Prefeitura do Rio desarticula condomínio ilegal na zona oeste

Ação da Secretaria Municipal de Meio de Ambiente prendeu vinte pessoas em Campo Grande, na zona oeste da capital

A Secretaria Municipal de Meio de Ambiente desarticulou um condomínio ilegal no Rio da Prata, Campo Grande, na zona oeste do Rio. A operação desta quinta-feira (23) prendeu vinte pessoas.

Empreendimento tinha 135 mil m²

Empreendimento tinha 135 mil m²

Divulgação/Prefeitura Rio

O empreendimento tinha 135 mil m² e 360 lotes sem licença que eram negociados a R$ 75 mil cada. As casas tinham 300 m² com piscina e área de lazer e estavam sendo construídas a 100 metros do Parque Estadual da Pedra Branca.

A unidade de preservação é um local para conservação da Mata Atlântica, porém os agentes encontraram supressão de vegetação, parcelamento irregular do solo e extração de substância mineral ilegal, além de outros crimes ambientais.

Duas escavadeiras hidráulicas e dois caminhões foram apreendidos. A Polícia Civil será responsável pela identificação dos responsáveis pelo empreendimento.

O secretário Eduardo Cavaliere afirmou: “Hoje vimos casas de altíssimo padrão nas margens do Parque da Pedra Branca. Foram notificados e terão que reparar a série de crimes que vinham cometendo”.

A ação contou apoio do GAM (Grupamento Aéreo-Móvel da PM) e da Secretaria Municipal de Conservação.

*Estagiário do R7, sob supervisão de Thiago Calil

Últimas