Rio de Janeiro Quatro pessoas ficam presas em montanha russa no Rio

Quatro pessoas ficam presas em montanha russa no Rio

Duas mulheres e duas crianças foram resgatadas sem ferimentos em brinquedo de parque de diversões na Barra da Tijuca

Quatro pessoas foram resgatadas, sem ferimentos, após ficarem presas no carrinho de uma montanha russa em um parque de diversões, na Barra da Tijuca, na zona oeste do Rio. Duas mulheres e duas crianças ficaram dez minutos dentro do brinquedo.

Quatro pessoas ficam presas em brinquedo

Quatro pessoas ficam presas em brinquedo

RecordTV

O carrinho parou de funcionar e travou em um dos pontos mais altos do percurso - cerca de 15 metros de altura. 

Os funcionários subiram nos trilhos, sem equipamentos de segurança, para resgatar os passageiros.

A consultora comercial Mari Aquino, que estava no brinquedo, contou sobre o momento do resgate:

“Na hora da descida, deu uma parada, demorou mais do que o comum e ficamos mais desesperados. Foi quando começaram a subir os técnicos e funcionários do brinquedo, o que me deixou mais indignada foi que nenhum estava utilizando equipamento de proteção”, disse. 

As equipes do Corpo de Bombeiros foram acionadas, mas, ao chegarem no parque de diversões, as pessoas já haviam sido retiradas da montanha russa.

As causas do acidente vão ser investigadas pela Defesa Civil. Já o brinquedo foi desativado.

Os ingressos dos ocupantes do carrinho foram revalidados pela gerência.  Procurado, o Tivoli Park afirmou que cumpre todas as normas de seguranças e manutenção e que o desembarque dos visitantes foi realizado por meio de uma escada auxiliar fixa, que existe para este tipo de ocorrência, com padrão internacional, o que ocorreu em menos de 15 minutos, como o previsto.

Últimas