Coronavírus

Rio de Janeiro Rio antecipa segunda dose da Pfizer para pessoas com 30 anos ou mais

Rio antecipa segunda dose da Pfizer para pessoas com 30 anos ou mais

Intervalo entre 1ª e 2ª dose do imunizante passa a ser de 21 dias; cidade já tem 80% da população totalmente vacinada

Intervalo entre doses da Pfizer foi reduzido no Rio

Intervalo entre doses da Pfizer foi reduzido no Rio

Divulgação/Prefeitura do Rio

A Secretaria Municipal de Saúde do Rio de Janeiro anunciou, nesta sexta-feira (22), a antecipação da aplicação da segunda dose da Pfizer para pessoas com 30 anos ou mais.

Agora, indivíduos nesta faixa etária podem receber a segunda dose do imunizante 21 dias ou mais após a aplicação da primeira.

O Rio já atingiu a marca de 80% dos adultos completamente vacinados, com duas doses ou dose única, contra a Covid-19, segundo dados da prefeitura. Ao todo, mais de 4 milhões de cariocas estão com a cobertura vacinal completa.

Nesta sexta, foi divulgado o 42º Boletim Epidemiológico do município, que revelou que a capital fluminense apresenta, pela quinta semana seguida, risco moderado para a Covid-19. Na quinta (21), o secretário Daniel Soranz afirmou que o Rio registrou o menor número de casos da doença desde o início da pandemia.

*Estagiário do R7, sob supervisão de Thiago Calil

Últimas