Rio de Janeiro Rio: Após morte de Ecko, protesto interdita trânsito na zona oeste

Rio: Após morte de Ecko, protesto interdita trânsito na zona oeste

Miliciano mais procurado do Rio de Janeiro foi alvo de operação policial neste sábado (12)

Após a morte do miliciano mais procurado do Rio de Janeiro, Wellington da Silva Braga, o Ecko, manifestantes fecharam a avenida Cesário de Melo, na zona oeste do Rio, e atearam fogo em pneus na tarde deste sábado (12). 

Por conta do protesto, a Polícia Militar foi acionada. As equipes do 27° BPM (Santa Cruz), do 2° Comando de Policiamento de Área e das Rondas Especiais e Controle de Multidões reforçam o policiamento em toda a região.

O BRT também informou que a circulação da linha LECD 33 (Campo Grande x Santa Cruz) foi temporariamente suspensa devido à manifestação na via. 

Últimas