Rio de Janeiro Rio autua mais de 6 mil por descumprir medidas de prevenção à covid-19

Rio autua mais de 6 mil por descumprir medidas de prevenção à covid-19

Em seis dias, foram interditados 58 estabelecimentos, segundo balanço da Secretaria Municipal de Ordem Pública

A fiscalização das medidas restritivas decretadas pelo município do Rio de Janeiro para conter o crescimento de casos, internações e óbitos por covid-19 gerou mais de 6 mil autuações nos últimos seis dias. As informações foram divulgadas em um balanço da Secretaria Municipal de Ordem Pública, no início da tarde desta quinta-feira (1º).

Apenas serviços essenciais podem funcionar até domingo (4)

Apenas serviços essenciais podem funcionar até domingo (4)

Tânia Rêgo/Agência Brasil - 26.03.2021

Entre as irregularidades, estão multas e interdições a estabelecimentos, infrações sanitárias, multas de trânsito, reboques e apreensões de mercadorias. O número de estabelecimentos interditados por descumprir as medidas de prevenção à doença chega a 58, além de 432 casos em que houve multa contra bares, restaurantes ou vendedores ambulantes.

Somente ontem (31), foram dez estabelecimentos fechados e 61 multas aplicadas. O total de autuações em um dia chegou a 1.031.

Publicado no Diário Oficial em 22 de março, o decreto nº 48.644 estabeleceu o fechamento dos serviços não essenciais por dez dias, contados a partir de 26 de março.

Até o dia 4 de abril, bares e restaurantes podem funcionar apenas com entregas em domicílio e nos sistemas take away e drive-thru. Além disso, está proibida a permanência na areia das praias, o estacionamento em toda a orla marítima e a entrada de ônibus de fretamento no município.

Últimas