Rio de Janeiro Rio: festa com 500 pessoas é interrompida em Campo Grande

Rio: festa com 500 pessoas é interrompida em Campo Grande

Pessoas estavam sem máscara de proteção neste domingo (25); organizador do evento na zona oeste foi multado 

Festa reunia 500 pessoas sem máscara em Campo Grande

Festa reunia 500 pessoas sem máscara em Campo Grande

Divulgação/Seop/Prefeitura do Rio

Uma festa com cerca de 500 pessoas foi interrompida na tarde deste domingo (25), em Campo Grande, na zona oeste do Rio. Agentes da Seop (Secretaria de Ordem Pública) foram até o local, mas seguranças do evento impediram que eles entrassem. Com o apoio da Polícia Militar e Guarda Municipal, os fiscais conseguiram dispersar o público presente. O responsável foi multado por violação de medida sanitária.

Segundo a Prefeitura do Rio, as pessoas estavam aglomeradas e sem máscara de proteção contra a covid-19. Mesmo com o novo decreto publicado no Diário Oficial da última sexta-feira (23), a realização de eventos de qualquer natureza, festas e rodas de samba continua suspensa. Além disso, o funcionamento de boates, danceterias, salões de dança e casas de espetáculo seguem proibidas na cidade.

No primeiro fim de semana de vigência das novas restrições deste decreto, a administração municipal registrou 2.416 autuações, incluindo multas e interdições a estabelecimentos, infrações sanitárias, multas de trânsito, reboques e apreensões de mercadorias. De acordo com o levantamento, os fiscais da Seop multaram 145 bares, restaurantes e ambulantes, além de interditarem 34 estabelecimentos flagrados descumprindo o decreto.

Só neste domingo, foram registradas 1.190 autuações no Rio, com 58 multas aplicadas a bares, restaurantes e ambulantes por desrespeitarem as medidas previstas em decreto municipal. Os estabelecimentos se dividiram pelos bairros da Barra da Tijuca, Campo Grande, Recreio dos Bandeirantes, Ipanema, Leblon, Laranjeiras, Itanhangá, entre outros.

*Estagiária do R7, sob supervisão de PH Rosa

Últimas