Rio de Janeiro Rio: gerentes de banco são presos após capturar recursos de falecidos

Rio: gerentes de banco são presos após capturar recursos de falecidos

Três funcionários do mesmo banco resgataram R$ 8 milhões de fundo previdenciário; um deles ainda coagiu viúva a mentir

  • Rio de Janeiro | Rafaela Oliveira, do R7*, com Record TV Rio

A Polícia Civil prendeu, nesta quinta-feira (5), três gerentes de banco acusados de desviar R$8 milhões da conta de um cliente falecido, no Rio de Janeiro. Segundo as investigações, os funcionários eram da mesma instituição e chegaram a adquirir imóveis e veículos com o dinheiro desviado. 

Gerente ainda coagiu viúva a mentir para sair ileso

Gerente ainda coagiu viúva a mentir para sair ileso

Reprodução/PCERJ

O trio seria responsável por fraudar transações bancárias para recebimento das vantagens. Ao tomarem conhecimento da morte de um cliente, eles simularam o resgate do fundo de previdência e enviaram os valores para as contas pessoais das esposas.

Tudo foi feito por meio de cheques administrativos. No entanto, a fraude foi detectada pelo mecanismo de segurança do banco, que acionou a Delegacia de Roubos e Furtos.

Um deles comprou uma casa de luxo na zona norte do Rio, com parte do dinheiro desviado. Contra ele, foi cumprido mandado de prisão preventiva expedido pela Justiça.

Além do esquema de fraude e compra da residência, o ex-gerente também foi até a casa da viúva do cliente. Ele tentou induzi-la a assinar um documento declarando que o companheiro desejava doar o dinheiro aos gerentes. A mulher negou, mas foi ameaçada.

O acusado em questão também será investigado pelo crime de coação no curso do processo.

Todos os envolvidos foram denunciados por furto duplamente qualificado, associação criminosa e lavagem de dinheiro, inclusive com pedido de sequestro de bens.

*Estagiária do R7, sob supervisão de PH Rosa

Últimas