Coronavírus

Rio de Janeiro Rio: grávidas que tomaram AstraZeneca podem tomar 2ª da Pfizer

Rio: grávidas que tomaram AstraZeneca podem tomar 2ª da Pfizer

Pela 1ª vez, Prefeitura do Rio autoriza mistura de vacinas contra covid-19. Grávidas poderão tomar a segunda dose após 12 semanas

  • Rio de Janeiro | Rafaela Oliveira, do R7*, com Record TV Rio

Rio autoriza grávidas que tomaram a primeira dose da AstraZeneca receberem a segunda da Pfizer

Rio autoriza grávidas que tomaram a primeira dose da AstraZeneca receberem a segunda da Pfizer

Reprodução/Prefeitura do Rio

A Prefeitura do Rio de Janeiro, por meio da Secretaria Municipal de Saúde, autorizou, a partir desta terça-feira (29), a aplicação da 2ª dose da Pfizer para grávidas que receberam a 1ª dose da AstraZeneca. Em nota, a SMS informou que a medida segue a recomendação do CEEC (Comitê Especial de Enfrentamento à covid-19). O Rio será a primeira cidade a adotar a mistura de vacinas. 

O anúncio foi feito pelo secretário Municipal de Saúde, Daniel Soranz, pelas redes sociais. Segundo ele, as gestantes poderão receber o segundo imunizante 12 semanas após a 1ª dose, depois de passarem por avaliação médica e terem em mãos a assinatura do termo de esclarecimento para vacinação contra a covid-19. 

De acordo com gráfico publicado por Soranz, pelo menos quatro países recomendam a intercambialidade desses laboratórios sem restrições. São eles: Alemanha, Canadá, Coreia do Sul e Dinamarca. Alguns outros a aplicação apenas em caso de falta de vacinas ou com restrição de idade.

Alemanha, Canadá, Coreia do Sul e Dinamarca recomendam D2 da Pfizer sem restrições

Alemanha, Canadá, Coreia do Sul e Dinamarca recomendam D2 da Pfizer sem restrições

Reprodução/SMS/Redes Sociais - Daniel Soranz

A SMS também esclareceu que a aplicação da Pfizer com a segunda dose da AstraZeneca pode acontecer quando um paciente passa por um evento adverso pós-vacinal e receba recomendação médica, com assinatura do termo. Conforme informado, a medida continuará sendo analisado pelo CEEC e novos estudos deverão ser realizados.

*Estagiária do R7, sob supervisão Celso Fonseca 

Últimas