Rio de Janeiro Rio mantém restrições contra covid-19 até o dia 12 de julho

Rio mantém restrições contra covid-19 até o dia 12 de julho

Funcionamento de boates e realização de festas que precisem de autorização continuam proibidas, segundo a prefeitura

Prefeitura mantém medidas estabelecidas no final de maio até dia 12 de julho

Prefeitura mantém medidas estabelecidas no final de maio até dia 12 de julho

Reprodução/Marcos de Paula/Prefeitura do Rio

A Prefeitura do Rio decidiu manter as medidas de restrição contra a covid-19 até o próximo dia 12 de julho. De acordo com a publicação no Diário Oficial desta sexta-feira (25), o decreto visa a precaução e a necessidade de conter a disseminação da doença. Permanece proibido o funcionamento de boates e festas que precisem de autorização. 

Nesse momento, a cidade do Rio de Janeiro está em alerta para risco alto em casos de contaminações. Segundo o decreto, as atividades em casas de espetáculo, concertos e as apresentações artísticas em espaços de evento devem seguir com 40% em ambiente fechado e 60% em locais abertos, mantendo o distanciamento de 1,5 metros entre o público.

Nos bares, lanchonetes, restaurantes, quiosques da orla e afins continua permitido o consumo apenas para clientes sentados, com o distanciamento mínimo, e mesa e cadeiras limitadas a oito ocupantes.

Em maio, o prefeito Eduardo Paes e o Secretário Municipal de Saúde, Daniel Soranz, liberaram a realização de rodas de samba com distanciamento social. 

De acordo com o 25º Boletim Epidemiológico, divulgado nesta manhã, há 2.836.366 de pessoas vacinadas com a primeira dose e 976.600 com a segunda na cidade. Isto representa mais de 50% da população com o primeiro imunizante, o que já cumpre a meta estipulada para o mês de junho.

*Estagiária do R7, sob supervisão Ingrid Alfaya

Últimas